Pesquisar neste blog

Carregando...

quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Reflexão: Evangelho do dia 24 de outubro (Lucas 12,39-48)

Cuidado: se ler, depois não vai mais poder dizer que não sabia...

        A leitura de hoje é riquíssima, e poderia ser dividida para vários dias. O tema principal continua sendo a segunda vinda do Senhor Jesus, como se já nos preparasse para o Advento que começa no próximo mês.

        Os dois primeiros versículos (39-40) concluem a parábola do dono da casa, que se soubesse a hora em que o ladrão chegaria, não o deixaria arrombar a casa. Como deve ser ruim a sensação de chegar em casa e perceber que ela foi arrombada... Nós vemos as pessoas que nos falam, vemos em filmes e na televisão, mas só sabe a sensação quem já passou por isso... São seus bens materiais, mas que muitos têm até um valor sentimental, pelo esforço que exigiu durante anos de trabalho, ou foram presentes de alguém especial, que de uma hora para outra não existem mais... Eu conheço pessoas que nunca deixam a casa sem ninguém, com medo que alguém entre e leve seus bens. Quem já passou pela situação de ser assaltado(a) vai entender o que Jesus está dizendo nesses versículos. Se você soubesse que seria assaltado(a) naquele momento, teria tomado as providências para evitar o assalto, não é? Da mesma forma, Jesus pode voltar a qualquer momento... Onde e como Ele vai te encontrar?

        No versículo seguinte Pedro pergunta se aquelas palavras eram dirigidas apenas aos 12 Apóstolos ou para todos. Ora, Jesus estava falando em particular para os 12, e Pedro queria saber se essa mensagem deveria ser difundida para todas as pessoas. Nos versículos seguintes (42-48) Jesus responde a pergunta de Pedro comparando o nosso mundo a uma casa. Os "administradores fiéis e prudentes" de Deus são os Apóstolos, que hoje são representados pela Igreja Católica. E nós, leigos, somos o "pessoal" da casa. Certamente, se a segunda vinda de Jesus tivesse sido na Idade Média, os "administradores da casa de Deus" estariam encrencados... Mas na nossa época atual, a Igreja Católica procura cada vez mais acertar. Pode até não ter posicionamento definido para todas as questões do mundo, não ter todas as respostas, mas quando toma um posicionamento, sempre busca defender a dignidade do "pessoal da casa": nós. Quando a Igreja se posiciona contra o aborto, a camisinha e o sexo antes do casamento, por exemplo, é por um motivo: a defesa da dignidade humana. Você vale muito mais que muitos pardais... Vale muito mais que qualquer obra de arte, na qual se gastam milhões de dólares para se restaurar e manter a segurança. A Mona Lisa, por exemplo, é uma obra belíssima, feita por um artista espetacular, mas não passa disso. É uma obra de arte humana. Você é uma obra de arte feita por Deus, por isso a Igreja te defende tanto... para quando Jesus voltar, ela poder te devolver melhor do que quando ela te recebeu.

        A mensagem de hoje termina com um aviso muito sério: os castigos. O primeiro castigo é para os maus "administradores": "Serão cortados ao meio e participarão do mesmo destino dos infiéis." Precisa dizer qual o destino dos infiéis? O segundo castigo é para o pessoal da casa que sabe da sua responsabilidade, mas não cumpre: "Serão chicoteados muitas vezes." E o terceiro castigo é para aquelas pessoas que agem de forma a merecer o castigo, mas que não conheciam estas palavras: "Serão chicoteados poucas vezes."

        Bem, eu não sei quanto a vocês, mas eu já apanhei muito dos meus pais quando era criança e posso dizer que não é nada agradável. Eu, particularmente, acho meio difícil que o nosso Pai do Céu, misericordioso como é, nos mande chicotear para que paguemos pelos nossos erros... De qualquer forma, é melhor pensar em estar preparado para a vinda de Jesus, esperando ansiosamente, "com os rins cingidos e a lâmpada acesa", a fim de merecer sentar à mesa com Ele, do que agir corretamente com o intuito de não levar as chicotadas...

 

Jailson Ferreira

jailsonfisio@hotmail.com



Encontre o que você procura com mais eficiência! Instale já a Barra de Ferramentas com Windows Desktop Search! É GRÁTIS!

Nenhum comentário:

Postar um comentário