Pesquisar neste blog

Carregando...

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Jesus era contrário às falsas aparências (Lc 12,8-12) (17/10/09)

        Quem nunca recebeu aquelas correntes de e-mail que falam alguma historinha emocionante sobre Deus e no final pede para repassar pro maior número de pessoas, pois aquele que negar a Cristo será negado por Ele diante do Pai. Posso ser sincera? Eu nunca encaminho para ninguém, só quando a história é bem legal, mas eu sempre tiro essa parte, porque pra mim, mandar e-mails simplesmente não provam em nada minha fidelidade diante de Jesus e Deus.

        Acredito que muitos mais que palavras bonitas, devemos viver aquilo que falamos e acreditamos. Jesus parece muito claro quando fala sobre AFIRMAR, FALAR, DIZER, ou seja, que são situações concretas onde nós seremos chamados a ANUNCIAR à Palavra de Deus. De fato, é o que realmente Jesus quer dizer, entretanto, quero ir um pouco mais fundo.

        Como sabemos, Jesus era totalmente contrário às falsas aparências. Ele queria mais que palavras, queria atitudes. Então, por mais que falemos muito, nossas atitudes devem "falar" e testemunhar mais ainda. Este sim é o verdadeiros negar ou assumir à Cristo.

        Isso tudo tem um preço. Sabemos que quem segue a Cristo e vive verdadeiramente Seus ensinamentos, são perseguidos, julgados por isto. Todavia, Jesus já sabendo que isto aconteceria, porque Ele mesmo seria o primeiro a sofrer a perseguição, dá esperança aos seus discípulos de antes e de hoje, que somos nós, que não tenhamos medo, pois o Espírito Santo, Paráclito, irá nos defender e nos ajudar a sermos firmes.

        Senhor, que sejamos verdadeiras testemunhas do Teu Amor. Que nossas palavras, atitudes, pensamentos sejam sempre em direção à Tua vontade, que não sejamos hipócritas que muitas vezes falam, mas não são capazes de viver. E que o Espírito Santo nos mova e nos ajude a sermos fieis. Amém.

 

Ana Luíza Medeiros

analu_medeiros_86@hotmail.com

www.reflexaoliturgiadiaria.blogspot.com



Nenhum comentário:

Postar um comentário